donzela carente procura encrenca

Meus dias e minhas noites. Sexo, drogas, rock´n roll, samba, xaxado, eleições, mercado financeiro, culinária, decoração, manicure, maquiagem, dramas interiores e psicoses recorrentes. Conto tudo e não assumo nada.

4.11.06

Sensibilidade à paulistana

Para os que andam maravilhados por aí com a sabedoria do público que apedreja a imprensa, aula número 1 do curso "Na teoria, a prática é outra".

- Alô.
- Oi, agora já mudou de pessoa, né?
- É, eu sou outra pessoa.
- Aí é tudo uma bagunça, cada hora é uma pessoa e aquela outra moça tava muito nervosa...
- Estava sim. Acabaram de assassinar os pais de uma menina que trabalha aqui nesse setor.
- Só falta ter sido pitbull, né? Porque a minha reclamação é de pitbull.
- Não senhor. São duas pessoas de idade, eles foram assassinados saindo do banco. O senhor entende que as pessoas ficam abaladas com isso, né?
- Ah, tá. Então anota aí que tem um monte de ataque de pitbull em Moema e nos Jardins, viu? Pegaram até o meu cachorro. Quem compra pitbull ou rotweiller só pode estar mal intencionado, viu? São uns animais...(prossegue ad infinitum).

2.11.06

Momento mulher séria 1

2 de novembro, chove

Os mortos da minha casa não estão mortos Vivem todos pulsando na minha garganta Se arrastam pelas paredes em retratos com molduras douradas
Eu não levo flores quando visito meus mortos Levo os cigarros, a garrafinha de whisky, um doce, badulaque caríssimo Deixo tudo no cemitério
Meus mortos não são anjos Não são demônios São meus E são deles Somos feitos da mesma coisa, todos nós, os mortos e eu
Os santificados e demonizados são mortos com ponto final Os meus mortos não têm ponto final, têm só vírgulas Talvez um dia eu veja de novo os olhos de cada um Talvez um dia apodreçamos juntos no mesmo cemitério
E seremos todos mortos, de outros vivos, sempre iguais, sempre sem ponto final

1.11.06

Brasil, um país de todas as raças

No Brasil não tem racismo, né? Dados de pesquisa do Sistema Único de Saúde, o SUS, o médico de pobre:

Brancas que não recebem anestesia no parto: 16%
Negras que não recebem anestesia no parto: 23%

Brancas rejeitadas na maternidade na hora do parto: 18%
Negras rejeitadas na maternidade na hora do parto: 33%.
(vão tomar no cu, né? não atendem mulher parindo?)

Brancas com acompanhamento de gravidez: 11,3%
Negras com acompanhamento de gravidez: 3,4%

E aí, você acha que é a mais pura coincidência?

A greve dos aviões

Correções e/ou atendendo a pedidos:

Eu tava achando maluca essa greve de aviões. Mas acabei de saber de dos cositas que estavam erradas:

1. O padrão é um controlador por avião. Aqui é um controlador por 20 aviões.
2. Os caras ganham R$ 1.100,00.

O padrão não é esse e os caras não ganham isso. Mas o esquema de turnos tá meio louco e eles ganham pouco. Continua valendo isso:

Ou seja, vamos dar graças a Deus que eles não estão derrubando avião

Dedurar é feio?

Sempre me disseram que dedurar é feio. Mas vocês acham que seria sacanagem colocar aqui fotos e links para os blogs de cornos que negam o fato?

Tô tããããão inspirada com esse post aí de baixo...acho que ia ser um tipo de serviço social.

Você é? Então foi ou será.

O povo bem nutrido e mal resolvido do sul maravilha anda tirando sarro da Ascron, Associação dos Cornos de Rondônia. Mas eu acho que eles deviam é ouvir seu Pedro Soares, que tem muito a ensinar pelas bandas de cá.

Levando em conta meu espaço amostral, garanto que o sul maravilha é composto majoritariamente de cornos desavisados - leia-se trouxas - ou em profundo processo de negação. Alguns integrantes desse rol são bipolares e, vez ou outra, reagem como Godzillas. A maioria se vangloria de aplicar chifres inexistentes ou meia-boca.

Minutos de sabedoria por Pedro Soares, fundador da Ascron:
"Na década de 80, se resolvia chifre matando o homem ou a mulher. Homem nenhum aceitava a traição e eu passei essa fase triste, porque resisti, de nada adiantaria usar da violência para resolver um fracasso causado por mim mesmo no meu casamento e terminar atrás das grades. Então, tive que encarar a realidade."

Não adianta negar: quem não é corno, ou foi ou será. Só para sentir o tamanho do perigo, mais trechos de entrevista ao Rondonotícias:

"Não existe corno prevenido. Quando o cabra se espanta já levou o chifre e aí, babau."

"Tenham cuidado com “amigo”, porque o pior traidor pode ser aquele que freqüenta a sua própria casa diariamente. É bom lembrar que inimigo não vai na sua casa."

"Qual a classe social mais propensa a levar chifre?
- Em primeiro lugar vem o político, que se dedica mais à vida parlamentar e esquece a mulher sozinha em casa. Em segundo, é o empresário, que se dedica mais a parte financeira e administrativa de sua empresa, também deixando a mulher de lado. Depois vêm alguns médicos plantonistas, porque durante o plantão, é óbvio, dormem nos hospitais. E por último, o caixeiro-viajante, que passa muito tempo fora de casa e aí, o Ricardão entra em ação, sem dó nem piedade."

A Associação dos Cornos de Rondônia tem 1679 associados e dá até assistência psicológica para eles. Sugiro aos cornos sulistas, que não são machos para entrar em associação, que procurem um psicólogo.

Bruxa solta

No dia das bruxas tão dando güenta em jornalista na PF (aqui) e o delegado justifica assim.

Ou seja, a bruxa pode sim estar solta. No caso teve até FHC em pessoa e língua solta junto com Tasso Jereissatti falando com MTB, o ministro-que-não-fica, para dar uma aliviada.

Algumas dúvidas corróem meu cerebrinho:
- Um blogueiro vale um jornalista? Ou vale só um bifinho?
- Se valer um jornalista e eu me foder, o blogspot chama o FHC?
- Caso chame o FHC, eu tô menos ou tô mais fodida?

(arte chupinhada da internet by andrebdois. pagamento aqui.)




31.10.06

O inferno é terra de ninguém

Vá lá, o espertinho nerd bem que tentou. Que deu com a cara na porta, deu mesmo, mas tentou.

Alguém registrou há um milênio o domínio www.hell.com e achou que o inferno vale muuuito, então tentou leiloar por US$ 1 milhão.

O que aconteceu? Ninguém comprou, ninguém deu lance, nada...nem uma alminha perdida por aí.

Não ache que é o final da era dos leilões caríssimos de porcarias. Já já surge um anônimo que comprou uma porcaria maior e bem mais cara.

Voto perdido - criança doente - recompensa-se bem

Vocês podem ter torcido para quem seja na eleição mas, com o devido respeito, zuar almofadinha é esporte nacional.

Se alguém encontrar por aí os 2.500.000 de votos perdidos do Alckmin, favor devolver no PSDB. Já ouvi dizer que é coisa de assombração e que reunião de campanha no edifício Joelma dá encosto.

De qualquer forma, estou vingada. Fui forçada a conhecer no horário eleitoral o barbeiro de Pinda, a professora de Pinda, a Santa Casa de Pinda, a casa de doces de Pinda, o coreto de Pinda e o cocô de cachorro de Pinda. Acho que foi por isso que eu peguei resfriado.

O Alckmin perdeu 3 mil votos em Pinda em 3 semanas. E o Lula ganhou 9 mil. Ou seja, até Pindamonhangaba ficou de saco cheio de tanta Pindamonhangaba. Ninguém merece.

Mais uma coisa: a dona Marisa rindo de orelha a orelha eu entendo. Eu, no lugar dela, tava dando pulinho e rasgando a roupa. Agora, a dona Lu tá rindo de quê? Do rabinho Hare Krishna do marido? CPI nela!!!

29.10.06

Psicoses virais

Já me receitaram 2394820 remédios para o resfriado. Até agora, o melhor foi o do único garçom da cidade que tira um café curto decente: chá de menta com limão e mel. Acho que foi feitiçaria.

Resolvi testar tudo o que é remédio caseiro para resfriado. Vou botar os resultados aqui. Alguém aí tem algum bom? Mas não me venha com aquelas folhas que ninguém acha...

28.10.06

Debate - últimas impressões

Resumo da ópera:
Alckmin = almofadinha. Lula = safo.
Sem juízo de valor. Cada um gosta do que gosta.

***

Ah, mas eu vou pegar o livro do Claudio Fontelles e tomar do Lula página por página. Foi lá, trilili, tralala, citou seiláoquê da página 394. Prá cima de moi?

***

Joana Prado que se cuide. O Alckmin tá de olho no emprego dela. Depois de tomar uma invertida porque tava declamando a tabuada, tascou: "isso não é numerologia!". É um pulinho para "não é feitiçaria, é tecnologia".

***

Eu torci para dar porrada quando o Lula pegava no Alckmin. Fui derrotada. Uma pena.

***

Dormiu no debate? Mudou de canal? Tava chato mesmo. Diz o Ricardo Noblat que nem o Gilberto Gil e o Serra agüentaram.

***

Ah, eu só vi esse chatume porque sou obrigada. Se não fosse, eu tava manguaçando.

Debate - segundas impressões

Pelas perguntas, parece que eles são candidatos a prefeito, né não? Metrô, enchente...

***

Garanto que o Alckmin tem dentro da pastinha aqueles lápis de tabuada.

***

O Lula tá peitando...chega pertinho, pega no braço... Se der porrada, você aposta em quem?

***

Aliás, para levantar o ânimo, só se rolar pelo menos uma cotoveladinha, né? Reparou na cara do povo que tá lá no auditório?

Debate - primeiras impressões

Sinceramente, quem foi o espírito de porco que bolou as regras na Globo? Nem se botasse o Suplicy com o Olívio Dutra ia ficar mais chato.
- Ai, barraqueira, tamo prestando serviço para o eleitor!!!!
- Tá, se o eleitor dorme, ele não vai ver o serviço.

***

Graças a Deus o Lula mudou a gravata. Tão quase par de vaso de novo, só escaparam por causa das listrinhas.

***

Repara que o Lula não consegue tirar o olho do rabinho Hare Krishna do Alckmin.

Dicas de sobrevivência by Zora Yonara 1




Se você já tem problemas de relacionamento no trabalho, palavras como "baianões", "previsíveis demais", "tio da sukita", "burrossauro", "mal comida", "filhinha-de-papai", "semianalfabeto" e "canalhada" não são aconselhadas.




Na prática, evite conversas como:
- Sei lá, esses caras são meio baianões, né? Previsíveis demais... Olha lá o tio da sukita que protege o burrossauro da mal comida.
- Ahã...
- E a outra lá? Filhinha-de-papai semianalfabeta... só ganhou o emprego porque é da família do chefe...canalhada, viu?
- É minha irmã.

Só o fake constrói

Para você, mulher, que vive de fingir que não caga, não peida, não arrota, só mija água de rosas e nasceu de maquiagem, perfume e salto, um link (que, aliás, eu chupinhei da Rosana Hermann).

http://www.campaignforrealbeauty.com/

27.10.06

Leve 2 pague 1

É hoje. Último debate. Quem ganha? Enfim, eu não dou a mínima. Cada um que se vire porque eles já são grandinhos e vacinados.

Mas, tem uma coisa: eu não agüento mais o "você está vendo dois candidatos diferentes". O Alckmin diz isso em todas as respostas. Aí vem o Lula e fala que ele tá uma vitrola quebrada mas sim, os dois são diferentes ideologicamente, programaticamente, etcmente e dá um sermão.

Qual deles tem moral para dizer que é diferente do outro com essa roupinha de par-de-vaso?



Me poupe, s´il vous plait. Teve leve 2 pague 1 no Ricardo Almeida, né?

Um cachorro prá chamar de meu

Dada a minha fama recente, promovida pelo Rogério http://rogeriocastilho.blog.uol.com.br/, não tô nem ligando para o resfriado. Aliás, tô surda e achando o máximo porque parece que ninguém mais fala mal de mim.

Ok, eu gastei na faculdade o precioso tempo que deveria ter passado na academia, mas ainda deve ter conserto. O mundo não divide mais as mulheres entre feias e bonitas, é entre peladas e vestidas.

Ou seja: mostrou um peito=bonitinha, gatinha. escancarou a perereca=avião. E isso quer dizer que eu ainda posso ser um avião e, quem sabe, arrumar um partidão e parar de trabalhar e/ou pensar porque isso dá ruga.

Já vou avisando que não aceito baixinho da Kaiser. Quer dizer, depende...$e, de repente, eu de$cobrir coi$a$ intere$$ante$ na relação, con$eguir cre$cer como pe$$oa, me $entir preenchida...$abe, né? La donna è mobile, qual piuma al vento, muta d´accento e di pensiero...

26.10.06

Passa lá em casa...



Inaugurado em São Paulo o lamborghini-muamba. A Polícia Federal tá levando tudo embora do salão do automóvel.

Se o pessoal da Lamborghini tiver mais algumas muambinhas perdidas por aí, passa lá em casa e xá comigo.

Sonhar custa R$ 1,50

Foda-se a eleição. A Megasena tá acumulada. R$ 30 milhões. Se eu ganhar no sábado, domingo ninguém me acha.

Baubau antes que alguém chore as pitangas e peça dois real para poder ver o padre Marcelo. Vou gravar um vídeo dedicando tudo às criancinhas.

Tenho uma bolsinha Louis Vuitton, voto melhor que você

Muita gente acha o prefeito do Rio, César Maia, muito bem louco da cabeça. O pessoal da Sociologia no Rio chegou a protestar na frente do casamento do filho dele:
- Não se reproduzam!!!!

Mas uma coisa a gente precisa combinar, o homem entende de pesquisa eleitoral e atualiza diariamente seu blog inexistente. A de hoje é essa:

"No início dos anos 30, na U. Columbia, o grupo de Paul Lazarsfeld (Gallup era seu pesquisador), a tempo que desenvolvia o campo de conhecimento sobre opinião pública política, iniciava uma série de pesquisas. Algumas delas tem hoje 70 anos. Uma hipótese que queriam demonstrar, é que quanto mais crescessem os níveis de renda e de instrução, mais racional e qualificado seria o voto. A renda e o nível de instrução cresceram sistematicamente, mas a taxa de racionalidade não mudou. O eleitor continua usando atalhos informacionais para sua decisão de voto."

E aí, playboyzada de esquerda e/ou de direita? Contente de saber que vota igualzinho que nem dona Chica da cantina ou Severino da portaria? Continuando com César Maia:


"Quando o personagem que representam os candidatos se assemelha, maior a necessidade de se aprimorar a comunicação para diferenciar um em relação ao outro." (...)

"No caso da eleição presidencial de 2006 no Brasil, de partida, os personagens de cada candidato -Lula e Geraldo- eram diferentes. Esse seria um bom ponto de partida para se elaborar um sistema de comunicação eleitoral que apostasse nas diferenças. Mas diferenciar-se não quer dizer ler um texto no teleprompter e se dizer diferente. " (...)

Aqui vale um comentário: hahahahahahahahahahahahahaha.
E mais: hahahahahahahahahaha.

"Lula, independente do que dizia, COMUNICAVA: -Sou candidato a PREFEITO DO BRASIL!
O que faz a série dos programas de Geraldo? A mesma coisa.(...) (ah... que saudades da dona Nhánhá, de seus quitutes... eta menino do interior, bom e trabalhador, que como estudante dava aula...).(...) Com isso topou o jogo: ser PREFEITO DO BRASIL!"

"Resultado: para Prefeito do Brasil o eleitor prefere Lula que tem muito mais jeito para isso."

Ok, ele acha que em 3 dias dá para virar o jogo. Cada um com sua loucura. Mas o Alckmin podia aproveitar o clima para cortar aquele rabinho de Hare Krishna que ele anda penteando para o lado. Isso é muito mais indecente que o Lula comendo banana.

Ritual noturno

Cheeeeeega!!! Cabei por hoje.
- Sai logo, sai logo. Que horas?
- Que horas prá quê se você se atrasa mais que eu?
- Mentira.
Toca eu esperando meia hora.
- E aí, tá chegando?
- Tô sim, na sua rua.
É, eu moro no 45 mil da avenida Aricanduva, né, canalha?
- Quer que eu te pegue?
- Quero, tô aqui na...
Filhodaputafilhodaputafilhodaputa.
- Ó, comprei um vinho pra gente.
Lindolindolindolindolindolindo.Pontualidade britânica sem branquelices e sem dente podre.

Os animaizinhos pagaram de 2 em 2

O Xico Sá tá lá malhado como ateu féladaputa comedor de padre porque informou que o padre Marcelo vai cobrar ingresso na missa. http://ponteaereasp.nominimo.com.br/ E isso porque ele nem comentou, jogou para a galera e soltou um vire-se.

Como eu sou carola e papa-hóstia juramentada, mas nunca paguei entrada, fui fuçar o site do sacerdote, patrocinado pela Samcil e pela Eurofarma, para tentar entender.

Aí entendi tudo: o dinheiro será doado e ninguém fala em prestação de contas. OK. E a idéia de cobrar é "Para controle de acesso do público ao local". O quê?!?!?!?!?!? Missa com porteira? Vai acabar excomungado desse jeito.

Tem mais...o banner da missa é o seguinte:





Aí, quando aparece "para participar clique aqui", você clica e cai no site do SuperCálcioD, "um podeoso complemento alimentar 100% natural, a base de carbonato de cálcio de ostras, magnésio, ferro e vitamina D em 20 dias ele começa a recuperar a estrutura óssea debilitada pela ausência de cálcio, eliminando completamente as dores" (tudo sic, tá?).

Desculpa, mas isso é mais sacanagem que suruba com a sogra. E, quando você clica nas caravanas do evento, tem um banner da Itapemirim. Você acha banner até de sex shop, só não acha de prestação de contas.

Eu fiquei meio devassa quando era Filha de Maria. Aprendi que Jesus acolhe puta e chicoteia os vendilhões do templo. Ou seja, era mais cristão o padre Marcelo mostrar o balangandã para sustentar a caridade.

25.10.06

Psicoses eleitorais

Se você ainda está impressionado com os bate-bocas e piadinhas de tio cinqüentão em churrasco que os políticos têm promovido por aí, vá à sessão de descarrego do bispo Romualdo urgentemente.

Vamos agora à cyberporrada. Blog do Fabio Danesi Rossi:

Alckmin devia falar pro Lula: "Cala a boca! Olha tua cara! Você não sabe nem falar! Pega no meu pau, seu filho da puta!"
Aí sim o debate teria algo de interessante


Resposta do leitor Glhrm:

Só que provavelmente ele diria assim:
"Você que está em casa está vendo dois candidatos opostos. Um tem o pênis nas calças e o outro na boca. Quando eu fui médico em Pindamonhangaba eu receitava a pacientes como o Lula que pegassem o meu pênis. O candidato Lula acha que assim está uma maravilha. Eu acho que podia crescer muito mais."


Isso é que é espírito público.

Sabe contar?

Recebi isso por e-mail e é de uma das campanhas para presidente. Agora vai. Pedacinho:

"a inflação foi de 12,3%. No mês de agosto de 2006 reduziu-se a 3,84%. As reservas internacionais eram de US$ 37,8 bilhões; agora, em setembro deste ano, atingiram US$ 73.4 bilhões. A dívida com o FMI era de US$ 14,7 bilhões e com o Clube de Paris de US$ 5 bilhões."

O lance termina assim:

"
Estes são alguns dados que podem ser colhidos entre um número imenso de indicadores representativos..."

Não, não tem explicação sobre o que esses números querem dizer. Quem conseguir explicar ganha uma semana no Clube de Paris com tudo pago.

Um tapinha não dói

Só por um acaso, você conhece este moço aqui?

É Arthur Bernardes, que já foi presidente do Brasil e acaba de ser exumado porque estava se revirando na tumba sem parar. O legista concluiu que o espólio sofria efeito direto e transcendental do pisoteamento do partido que ele fundou, o Partido Republicano. Aliás, esse é outro morto, só que por assassinato na ditadura Vargas.

E Deusdocéu como é que se pisoteia morto? Vamos lá. Você conhece esse outro moço?


Isso mesmo, Valdemar Costa Neto. Apelidado de boy, rei do divórcio barraquento, é o mesmo que você viu na propaganda eleitoral dizendo "eu peguei o dinheiro e sumi com ele, mas fiz Santa Casa em Mogi das Cruzes". E daí? Daí que colou, meu amor. Tá eleitinho e você paga o salário dele.

Roberto Jefferson, chefe da Bordões Políticos Inc., chama o moço de galo mutuca, aquele que ameaça e corre na hora H. Mas no imaginário político ele é um personagem que freqüenta saunas escondido ou que uma hora vai preso. Ô pessoalzinho de mente suja.

Bom, na verdade, ele não tá nem em sauna nem em presídio, tá é no colo desse moço aqui.



Ih, não conheceu? Calma, com barba ou sem barba...


Isso mesmo. Meu nome é Enééééééééas. O moçoilo é adorado pelos alunos de medicina. Já como deputado, além de falar difícil, ele foi mamãe de sanguessugas e bicombustíveis, aqueles que aceitam o que cair do céu. Agora, tá embalando Valdemar.

Mas não termina aí a suruba não. Tem ainda o PT do B. Hãããã? Não tá errado não, é PT do B mesmo, um partido com quadros tão conhecidos quanto a escalação do time reserva do Lagartense.

Pode escolher: tem Colesterol, Nado, Dr. Davidson, Irajá, Miro Táxi Com Vocês, Ananias, Carlinho do Lixo, Edimilson da Piscina, Feijão, Marcelo Trio Elétrico, Minha, Romário (não o verdadeiro, claro) e Super Zefa, entre outros. Dá prá ver que é coisa séria, né? Principalmente porque o partido não tem nem site na internet.

O resumo da ópera é que todo mundo se juntou e resolveu montar um partido chamado PR, Partido Republicano. E o tal do morto, Arthur Bernardes, criador da versão original, era de uma época em que mauricinho não era cara-de-pau de dizer ah, republicano é coisa da república, né?

Segundo o médium que acompanhou a exumação, ele ainda acha que republicano quer dizer o que faz o Estado funcionar de acordo com os interesses da coletividade, por meio dos seus representantes.

Aí o moço tá dando piti. Que história é essa de Valdemar Costa Neto no colo do Enéas convidando esse bando de desconhecido e dando o nome do meu partido? Hein? Hein? E mané coletividade, bando de safado?!?!?!?!? Tem dito isso e muito mais, babando. Promete chamar outros mortos para o motim.

O médium falou que vai enfiar o Arthur Bernardes num portal de luz porque aí ele segue para o outro lado antes de descobrir que o nome da coletividade é Valdemar. E também Enéas e intrépida trupe dos anônimos s/a.

Os serviços mediúnicos de libertação do espírito são oferecidos por módica quantia a eleitores enraivecidos do PRONA no orkut. Mas eles vão se consolar mais cedo ou mais tarde. O Enéas não prometeu a bomba atômica? Então, cumpriu.

O Partido Republicano já avisou que apóia o governo. E tem uma versão do documento pós-liquid paper dizendo "qualquer governo". Mas não se sabe se é verídica.

Nem o Wando pensou nisso

Quero saber todos os seus pensamentos. Os recorrentes, os fugazes, os interrompidos. Quero ler tudo o que você lê. As cartas de amor, as cobranças do trabalho, as piadas de sacanagem. Quero escrever tudo o que você escreve. Respostas corridas, textos obrigatórios, teclas apertadas com a garganta.

Bom, na verdade isso é só para dizer que eu peguei a senha do e-mail dele. E estou felizinha da silva fazendo todas essas coisas. Agora tão rolando umas senhas de serviço bancário. Será que eu uso? Seria desonesto fazer ele pagar por tudo em cash? Ele já pagou uma parcela, eu sei. Mas duas vezes sem juros tá até bom demais perto do perrengue.

Corrente & colares

"Deu certo ! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
Se vc quer a relaçao completa de quem fuça seu orkut, e quantas vezes essa pessoa fuçou é simples, mande esta mensagem para todos seus amigos do orkut e em seguida aperte a tecla F5,o orkut lhe enviará automaticamente não os ultimos e sim todos que tevisitaram desde o primeiro dia da sua conta."

Juro que, se alguém mais me mandar esse lixo, vou atacar de volta com um spam do Roberto Jefferson pelado. Dinheiro ninguém me manda, mas aí eu não fico bravinha não.

Morte ao kama-sutra

Enjôo de kama-sutra. Enjôo de homem empolgado achando que eu sou balangandã. Quer emoção, vai no carrossel, compra um ventilador, se vira, querido.

Banco de carro, vidro suado, pula prá lá, pula prá cá, vira assim, bota a perna não sei onde, bota o braço para cima, vira o rosto mais prá lá que cabe. Efeito Cirque du Soleil. Compre sua boneca inflável e faça o que quiser.

No, missionary position isn´t fun. Também isn´t fun a sua mãe. E isso aqui não é programa do Bozo. Ok, babe, linda a florzinha, vamos esquecer essa coisa toda que amanhã é outro dia. Põe aí o Frank Sinatra que eu fly to the moon na posição que você quiser.

Por que homens sensíveis usam moletom na tv?

Moça de cabelo sacolejante com mais escova que a Glória Pires passeia pelo supermercado. Mais maquiada que mãe da aniversariante em festa de quinze anos. De repente, o desleixado-de-propósito-que-banca-o-sensível olha e fica magnetizado. Será que é ela, será? Ela não era tãããão linda assim.

A moça vira, o cabelo flamulando feito bandeira na Esplanada dos Ministérios. Ela sorri com facetas de porcelana. Ele pensa. Sim, ele pensa: "como ela pode estar tão bem? faz só quatro meses que a gente terminou?"

Aí, vem o encontrinho. Que, aliás, não é esquisito (?!?!?!?!!?). Ele pensa de novo. Sim, de novo. E tasca um "posso te ligar?", daqueles com mãozinha no bolso e cara de cachorro que caiu da mudança. Ela diz não e sai pisando duro e rebolandinho.

Agora vamos lá: adivinhe do que é a propaganda.

Fecha o buraquinho, babe

Tô em São Paulo. Laralara... E o povo aqui é bom de abrir o buraquinho, mas ruim de fechar, né? Passei lá na frente do Maksoud Plaza e quase detonei o carritcho alugado por conta de uma belíssima obra da prefeitura. O prefeito não é mais o Serra, né? Ou é?

Enfim, sei lá o que fizeram. Mas tem uma tampa daquelas redondas tímida, escondidinha, encolhidinha para baixo do asfalto. Tá aquele buracão lá. Podia pelo menos enfiar um galho de árvore para a gente desviar.

Se mete que eu reajo

Cansei de tanta gente se metendo na minha vida. Não posso trepar porque eu rezo. Não posso rezar porque eu trepo. E não querem me reconhecer virgem. Dane-se, sou donzela e ponto. Minha cabeça é donzela e é muito mais importante que aquele pedacinho perdido em algum lugar.

Fingida, fingida, fingida. Foda-se. Nheco-nheco para o coral das vontades latentes. Tô de copinho do lado pensando em você, mocinho engravatado e certinho que já comprou o segundo livro da Bruna Surfistinha. Livrinho pink debaixo do braço porque "essas coisas a gente precisa conhecer"? Ha. Ha. Ha. Ha. Assim, bem devagarinho. Punheteiro. Qualquer dia boto tua foto aqui.